O Celebrante

A cerimônia de casamento dos seus sonhos

Flávia e Mário

Voltar

Maurício,

tu nos deixou sem palavras! Não temos nem como te agradecer, porque o que tu fez no dia 30 de agosto foi conseguir transformar um acontecimento que já é bonito em algo muito, muito, muito mais lindo do que podíamos sonhar! Lembra o que eu te disse quando tu saiu? “Maurício, a cerimônia foi na medida do nosso sonho!”. Não, não foi. Foi muito maior. Nos surpreendeu, nos emocionou, nos arrepiou, nos marcou, nos contagiou… O que veio depois daquilo foi simplesmente inexplicável!!! O salão inteiro transbordou de emoção, sem exagero! Mesmo as pessoas que pareciam mais impermeáveis… Todos se deixaram levar pela alegria, que era nossa, e fizeram uma festa única (ps: estou totalmente arrepiada escrevendo isso!). Os sorrisos, as lágrimas e os abraços se multiplicaram de um jeito que jamais imaginaríamos…

Os poucos minutos do casamento condensavam em si 11 anos de sonhos compartilhados, e tu conseguiu eternizar esse instante para nós. FOI MÁGICO! Temos certeza de que a emoção que tomou conta da festa foi fruto da cerimônia, das tuas palavras. Como é que se acha palavras para agradecer por isso, hein?!

Achávamos que seria intraduzível o que queríamos transmitir nesse dia, mas tu conseguiu, sim, taduzir e transmitir, do jeito mais bonito que poderia ser. Tu coloriu ainda mais um dia que já era especial. Agradecemos infinitamente pelas tuas palavras, pela tua sensibilidade, por se deixar tomar pela nossa história, por fazer desse momento algo tão tão tão maravilhoso.

Vou te contar uma coisa… Olha as fotos no site (www.marcioferraz.com.br). Além das da cerimônia, óbvio, que estão lindas demais, uma seqüência me marcou muito: logo que se encerra a cerimônia, e eu e o Mário vamos nos dirigindo para fora do salão. Repara… Eu vou sorrindo, olhar perdido, e o Mário, também sorrindo, fala ao meu ouvido… E assim seguimos, radiantes, até esse movimento se transformar num beijo… Essa seqüência não foi programada, nem solicitada, nem nada. Aconteceu. Era o Mário me dizendo “neguinha, foi lindo, foi perfeito, foi bem do nosso jeito”. E eu, flutuando, não conseguia dizer nada… Essa seqüência de fotos me marcou muito, porque foi um momento de plenitude para nós. Apostamos todas nossas fichas em ti, acreditamos que tu seria quem poderia celebrar nosso casamento da melhor forma. E tu fez muito mais do que isso!!! Sério, foi demais, não temos palavras mesmo!

Só esperamos para o nosso casamento que essa magia, essa chama, permaneça entre nós! Não precisamos de nada além disso!!!

Então… Essas palavras não chegam nem perto de expressar nossa gratidão e nossa admiração pelo teu trabalho, mas são sinceras… Continua transmitindo esse brilho a outros casais, a outras famílias, porque o teu trabalho é realmente muito especial!

Ah, de fato, todos perguntaram qual era a tua religião!!! E TODOS elogiaram a cerimônia…

É isso por enquanto… Quem sabe um dia consigamos encontrar palavras para formular um agradecimento…

Beijos, com todo o nosso carinho e toda a nossa alegria,
Flavinha e Mário

Voltar